Ad Home

Poke: receita típica havaiana para você fazer em casa

Veio do Havaí um prato (ou melhor, um bowl) que virou tendência gastronômica este ano em várias cidades brasileiras e que, por ter tudo a ver com o verão, promete fazer ainda mais sucesso nos próximos meses. Estamos falando do poke – uma receita preparada com peixe cru cortado em cubos e marinado em molho, geralmente à base de shoyu e óleo de gergelim e acompanhado de shari (arroz japonês temperado, o mesmo usado no sushi) ou folhas, cogumelos, legumes crus, frutas (abacate e manga), algas e gergelim, dependendo do restaurante.
O poke lembra a comida japonesa (na verdade, um temaki), com a diferença de o peixe ficar levemente marinado no molho. Mas também não é ceviche – prato peruano em que o peixe é “cozido” no suco de limão. Curiosa para experimentar?  Você pode preparar em casa (acompanhe aqui o passo a passo de uma receita sugerida pelo Poke Poke).
A versão original do poke surgiu de um prato caseiro feito à base de atum-albacora-havaiano, mas dá para usar salmão ou até um peixe de água doce, como a tilápia. A mistura de sabores é incrível e, sem perceber, você mantém a dieta – quer dizer, se não entrar na onda de acrescentar cream cheese ou outro queijo cremoso na receita, como alguns restaurantes brasileiros já estão fazendo.
Ingredientes

Modo de preparo
Para o molho: em uma panela, coloque o vinagre, o açúcar, o hondashi e o sal. Leve ao fogo baixo só até diluir o açúcar e reserve. Lave o arroz por três vezes e deixe descansar no escorredor por 15 minutos. Em uma panela, coloque o arroz escorrido e a água. Tampe bem(é importante!) e leve ao fogo alto. Assim que o vapor começar a sair, abaixe o fogo e deixe por mais 5 minutos. Desligue e mantenha a panela fechada por 15 minutos. Despeje o arroz em um recipiente largo não-metálico e coloque o molho reservado aos poucos. Mexa bastante e vá abanando o arroz (dura de dois a três dias na geladeira). Espere esfriar totalmente para montar o poke: em um bowl, coloque 4 col. (sopa) do arroz e, em seguida, o atum (ou salmão), a alface (opcional), as frutas e os temperos. Finalize com a cebolinha (ou ciboulette) e o gergelim polvilhados.
Tecnologia do Blogger.