Ad Home

Salvador teve 17.500 casos de diarreia em três meses, aponta SMS


Cerca de 17.500 casos de diarreia foram registrados em Salvador entre abril e o fim de junho, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS). O número representa um aumento nas ocorrências desde abril, e houve um pico no final do mês de julho, com maior número de casos registrados nos bairros do Cabula e Itapuã. Um alerta foi emitido para que a rede municipal de saúde notifique e monitore esses casos.
A principal preocupação é que a doença não tem uma causa definida, e a própria detecção é complicada, uma vez que a diarreia pode ser causada por diversos motivos. A suspeita é de que os casos devem ter aumento por conta do rotavírus e do norovírus, vírus que se disseminam com rapidez por contato pessoal, pelo ar e por alimentos contaminados, e podem causar náuseas, vômitos, febre e diarreia.
A orientação para as pessoas que não têm sintomas da doença é procurar vacinação contra o rotavírus nos postos municipais de saúde. Já aqueles que apresentarem diarreia devem beber bastante líquido, para repor a quantidade perdida e evitar desidratação.
Metro
Tecnologia do Blogger.