Ad Home

Bahia tem quatro municípios entre os mais violentos do país, diz pesquisa

Mais uma pesquisa aponta para a realidade violenta à qual os baianos estão submetidos diariamente. Dados do Atlas da Violência 2017, divulgado nesta segunda-feira (5/6), mostram que dos 10 municípios entre aqueles que registraram as maiores médias quando somadas as taxas de homicídio e de mortes violentas com causa indeterminada (índice classificado pela sigla “MVCI”), quatro estão na Bahia.
São eles: Lauro de Freitas, Simões Filho, Teixeira de Freitas e Porto Seguro. O estudo utiliza dados fornecidos pelo Ministério da Saúde, referentes ao ano de 2015.
O Nordeste é a região que mais sofre com a violência. Oito dos 10 municípios indicados na pesquisa, que leva em consideração apenas cidades com mais de 100 mil habitantes, fazem parte da região.
Para os analistas, “as transformações urbanas e sociais acontecem rapidamente e sem as devidas políticas públicas preventivas e de controle, não apenas no campo da segurança pública, mas também do ordenamento urbano e prevenção social”.
Isto significa dizer que, na opinião dos responsáveis pelo trabalho, as ações oriundas do poder público têm papel significativo para se analisar o aumento ou diminuição destes índices nos municípios brasileiros. Confira a lista:
1º – Altamira (Pará), com taxa de 107 homicídios por 100 mil habitantes
2º – Lauro de Freitas (Bahia), taxa de 97,7
3º – Nossa Senhora do Socorro (Sergipe), com 96,4;
4º – São José de Ribamar (Maranhão), com 96,4;
5º – Simões Filho (Bahia), com 92,3;
6º – Maracanaú (Ceará), com 89,4;
7º – Teixeira de Freitas (Bahia), com 88,1;
8º – Piraquara (Paraná), com 87,1;
9º – Porto Seguro (Bahia), com 86,0;
10º – Cabo de Santo Agostinho (Pernambuco), com 85,3
Tecnologia do Blogger.