Ad Home

Sou radicalmente contra volta da CPMF, diz Walter Pinheiro

O senador do PT chegou a ponderar se há "falta de rumo" no governo

Presidente da Comissão do Pacto Federativo do Senado, o petista Walter Pinheiro (BA) afirmou ao Broadcast que firmará posição contra a volta da CPMF, derrubada pelos senadores em 2007. “Sou radicalmente contra, o imposto vai explodir a inflação e aumentar ainda mais a retração econômica”, criticou ele, ao avaliar que a proposta, da forma que foi articulada, não tem a “menor chance de lograr êxito”.
Pinheiro, que tem conversado com frequência com os ministros da Fazenda, Joaquim, Levy, e do Planejamento, Nelson Barbosa, em busca de soluções para a melhoria do ambiente econômico, se disse surpreendido com a proposta.Na terça-feira, por exemplo, ele disse ter conversado com Nelson Barbosa sobre a reforma do ICMS e ontem recebeu em seu gabinete assessores da equipe de Levy para discutir a proposta que reduz a alíquota do imposto.
O senador do PT chegou a ponderar se há “falta de rumo” no governo, uma vez que vinha conversando com a equipe econômica sobre a proposta de reforma do ICMS a fim de reforçar o caixa da União, dos Estados e dos municípios. Em nenhum momento, segundo ele, se falou na Contribuição Interfederativa da Saúde (CIS), novo nome para a CPMF.Segundo o petista, em nenhum momento foi dito ou mesmo cogitado nas conversas recentes a adoção da CIS para melhorar a arrecadação do governo. Uma das críticas dele à proposta é que penaliza o consumidor, uma vez que atinge toda a cadeia produtiva em cascata.
Tecnologia do Blogger.