Ad Home

Geddel nega ter feito indicação de "afilhado" para Caixa



"Pergunte a Dilma ou ao PMDB, eu não tenho nada a ver com isso". Foi assim que o candidato a senador pelo PMDB Geddel Vieira Lima reagiu ao ser indagado se teria dado o "aval" à indicação de Roberto Derziê para a área de operações corporativas, antiga logística, da Caixa Econômica Federal, no lugar de Paulo Roberto dos Santos, que foi exonerado do cargo.
A nomeação seria um "aceno"  do governo  à ala dissidente do PMDB na semana seguinte à convenção do partido que decidiu pelo apoio à reeleição de Dilma.
Geddel disse estar numa posição "antagônica" à direção do seu partido. "Sou um dissidente, estou lutando contra o governo Dilma. Continuam me atribuindo coisas. O que eu posso fazer se continuo com fama de forte até no governo?", disse.
Atarde
Tecnologia do Blogger.