Ad Home

Transalvador paralisa atividades nas estações de "transtorno".


Os servidores da Superintendência e Transportes do Salvador (Transalvador) decidiram paralisar as atividades de fiscalização nas estações Pirajá e Lapa, localizadas em Salvador, nesta quarta-feira, 26. A Associação dos Servidores em Transporte e Trânsito do Município (Astram) diz que os agentes só retornam ao trabalho quando a autarquia garantir segurança, condições dignas de trabalho e apunição ao cobrador responsável pela agressão a um agente de transporte, no último sábado, 22.

De acordo com a Astram, enquanto os pedidos não forem atendidos, os agentes de transporte, responsáveis pela fiscalização nas estações, cumprirão seu horário de trabalho na sede da Transalvador. Os demais servidores do órgão de trânsito continuam trabalhando em suas atividades normalmente.
Entenda o caso - Um agente da Transalvador teria repreendido um cobrador da empresa Modelo, na estação Pirajá. O suspeito teria agredido o agente com vários socos no rosto. A vítima foi encaminhada para o Hospital Jorge Valente, em Salvador, onde permanece internado. O nome do agressor ainda não foi divulgado.
Por conta da agressão, o agente de trânsito perdeu três dentes, fraturou o maxilar e, segundo relatório médico, sofreu afundamento de crânio, o que levará a uma cirurgia para correção facial.
Tecnologia do Blogger.