Ad Home

Após incêndio, Codesal pede interdição da Ladeira da Montanha



Casarão abandonado foi atingido por fogo na manhã desta segunda.
Por volta das 12h30 Transalvador confirmou a interdição.
Incêndio atinge casarão abandonado no Centro Histórico de Salvador (Foto: Imagem/TV Bahia)
A Defesa Civil de Salvador solicitou a interdição da Ladeira da Montanha, no centro da capital baiana, após incêndio que atingiu um imóvel da manhã desta segunda-feira (19).

 Segundo o órgão, a decisão foi tomada por conta da presença de chamas decorrentes do incidente. Através de nota, a Transalvador informou que providenciaria a interdição. Por volta das 12h30 o órgão confirmou a interrupção do fluxo de veículos no local.

Os motoristas podem optar por caminhos alternativos indicados pela Transalvador, como os trechos compreendidos entre o túnel Américo Simas, Dique do Tororó e Politeama; Avenida Contorno, Largo 2 de Julho e Rua Carlos Gomes; além da Avenida Contorno, Rua Banco dos Ingleses e Campo Grande.

A assessoria de imprensa do Corpo de Bombeiros informa que a causa do incêndio não foi identificada. A apuração foi dificultada porque não havia morador para relatar possíveis causas, já que o imóvel está abandonado. Além disso, não foi localizado nenhum objeto que pudesse ter provocar o fogo.

A edificação é monitorada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano de estado da Bahia (Conder). De acordo com o órgão, o imóvel é um dos 12 contemplados em um projeto de revitalização que já tem verba de R$16 milhões garantida pelo PAC 1, do governo federal.

Após a constatação de risco iminente de desmoronamento, as oito famílias que moravam no casarão desocuparam o local no dia 30 de janeiro deste ano e foram remanejadas para outros imóveis, informa a Conder. 

Sete delas recebem atualmente uma bolsa-aluguel no valor de R$ 450 e serão posteriormente encaminhadas para unidades do Minha Casa, Minha Vida. Uma dessas famílias já foi beneficiada com uma unidade habitacional, relata o órgão estadual. 


Fonte: G1BA
Tecnologia do Blogger.