Ad Home

Google homenageia Gioachino Rossini

O compositor erudito italiano ficou conhecido como "Napoleão da Música"

O Google homenageia nesta quarta-feira, de ano bissexto, o 220º aniversário de Gioachino Antonio Rossino, um compositor erudito. Ele criou 39 óperas e também trabalhos para música sacra, "cômica" e música de câmara.


Rossini nasceu na cidade italiana de Pesaro no dia 29 de fevereiro de 1792 em uma família de músicos. Seu pai, Giuseppe, era um trompista, e sua mãe, Anna Guidarini, era uma cantora.

Aos seis anos de idade o compositor já tocava o triângulo na banda de seu pai. Já com 14 anos, Rossini passou a estudar em um liceu musical da cidade italiana e se apaixonou pelas composições de Haydn e Mozart, mostrando grande admiração pelas óperas de Cimarosa. Em Bolonha, ele era conhecido como "il Tedeschino" ( "o alemãozinho") por conta de sua devoção a Mozart.

Rossini escreveu algumas de suas obras, mas logo passou a se dedicar ao teatro e às óperas. Seu primeiro sucesso - lançado em 1813- foi nomeado como "Tancredi". Sobretudo, o compositor ficou realmente conhecido com a sua maior obra cômica: "O Barbeiro de Sevilha".

Em razão de seus trabalhos serem divertidos, Rossini tornou-se o predileto da sociedade. O compositor conquistou toda a Europa e por isso ganhou o apelido "Napoleão da Música" pelo escritor francês Henri-Marie Beyle, mais conhecido como Stendhal.

Doodles

Os doodles consistem em mudanças no visual do logotipo do Google, geralmente utilizadas para celebrar
feriados, aniversários e grandes acontecimentos da história. Até agora, mais de mil intervenções foram criadas.

O Google já utilizou os doodles para homenagear grandes cientistas, artistas e políticos, além de celebrar datas de âmbito nacional e internacional. Muitas das intervenções extrapolam a ideia inicial de homenagem e se tornam logos interativos, como o pequeno jogo de Pac Man, criado em maio do ano passado, em homenagem aos 30 anos do clássico game.

Outro doodle que fez sucesso foi a guitarra interativa, em comemoração ao guitarrista americano Les Paul, que faria 96 anos se estivesse vivo, em junho de 2011. O logo se transformou em uma guitarra interativa, que podia ser tocada ao passar o cursor em cima das cordas. O sucesso foi tão grande que o Google criou uma página permanente para o instrumento virtual.
Thaís Cordon
Tecnologia do Blogger.